Padre Fabio de Melo Explica Como Fazer Um Relacionamento dar Certo!

5 (100%) 1 vote

Padre Fabio de Melo Explica Como Fazer Um Relacionamento dar Certo!

Nós precisamos ter a sensibilidade ou até mesmo é a honestidade de perceber o que a gente escolhe na vida né?

O evangelho do filho pródigo o menino pede o tempo, um tempo precioso da vida dele porque havia escolhido errado e não tinha coragem de perceber que a escolha errada, estava em felicitando a sua vida.

Ele havia se acomodado dentro de um erro e somente depois quando ele viveu, aquela extrema miséria, é que o coração dele se acendeu.

Recordou que ele tinha um pai, que tinha uma família, que ele tinha um lugar pra voltar.

É sempre muito interessante, quando nós tomamos consciência do erro, que estamos cometendo e a coragem que a gente tem de dar um passo na direcção da mudança.

Vamos atender aqui as pessoas, que nos levem são muitas gratas a deus, a gente tem a oportunidade de ver por onde a gente vai.

Os frutos do programa direção espiritual e toda vez que você partilha a sua vida, a gente tem a oportunidade de falar há muitos corações, que estão vivendo a mesma dor, o mesmo conflito que você.

Sabe eu tenho 24 anos vivem uma família muito religiosa, girar diariamente participo da igreja, rezo muito, tenho fé mas tem um problema que antes não me aceitava tanto quanto agora, sou um desastre quando o assunto é relacionamentos.

Todos os meus relacionamentos até hoje padre, foram rasos e eu sempre saio muito ferida deles, sou muito intensa e sofreu muito por isso. Meu último início, de relacionamento eu me apeguei muito ao rapaz, muito mais do que ele a mim e isso está me doendo muito. Agora terminamos de uma forma muito conturbada e ouvir dele muitas ofensas, que machucaram muito, mas por falta de amor próprio, eu não consigo seguir em frente e sigo esperando que ele me procure, acompanhado de um pedido de desculpas. Seu aniversário se aproxima e eu nem sei se devo parabenizá lo ou não. Padre gostaria muito de um conselho seu, uma direção espiritual, porque meu coração já está cansado e só de pensar em conhecer outra pessoa começar tudo de novo desde o início, já me desanima. O que devo fazer?

Ela não coloca o nome, não quer ser identificado.

Filha você tocou numa questão que é fundamental, toda vez que nós estabelecemos um relacionamento com o outro, a gente precisa ter consciência de que a relação com o outro, só é boa a partir do momento em que a relação que a gente tem com a gente já está suficientemente estabelecida. É o conceito de pessoa que a gente trabalha no livro, “que me roubou de mim”. Eu escrevi justamente sobre essas questões de relacionamento, de pessoas que sofrem muito. Conceito de pessoa inspirado pela antropologia cristã judaico.

PARA UM CASAMENTO OU QUALQUER RELACIONAMENTO DE SUCESSO CLIQUE AQUI